Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2008

DIÁLOGO SOBRE ENERGIAS ALTERNATIVAS.

Imagem
Discípulo: Mestre, o que o senhor acha do uso de energias alternativas e renováveis?

Niestévisky: Sou completamente a favor, inclusive já fiz muitas pesquisas científicas sobre o assunto.

Discípulo: Que interessante. E o senhor conseguiu bons resultados?

Niestévisky: Mas é claro que sim!

Discípulo: Então me diga, oh Grande Sábio, sobre o quê foram as suas pesquisas e a quais resultados elas chegaram.

Niestévisky: Bem, no começo eu estava fazendo alguns estudos sobre ecologia. Foi durante essas pesquisas que eu descobri que o gás metano, gerado pela digestão dos animais e eliminado através da flatulência, fenômeno vulgarmente conhecido como pum, contribuía enormemente para o aquecimento global. Essa descoberta me deixou muito preocupado com o futuro do planeta, por isso resolvi fazer algo a respeito.

Prosseguindo nas minhas pesquisas, descobri que esse biogás era uma ótima fonte de energia, e o melhor de tudo, altamente renovável e barata, ou seja, uma ótima alternativa para os combustíveis …

ALGUMAS HISTÓRIAS SOBRE A INFÂNCIA DO MESTRE, CUJA VERACIDADE AINDA CARECE DE COMPROVAÇÃO DOCUMENTAL.

Imagem
Dizem que Niestévisky foi uma criança extremamente precoce. Segundo o que afirma a crença popular, o Sábio começou a exibir as suas incríveis habilidades ainda no ventre de sua mãe, ao auxiliar o médico durante o seu próprio parto.

Alguns ainda afirmam que Niestévisky já saiu andando de dentro da sua progenitora e dirigiu-se à sala de cirurgia do hospital, onde executou um transplante cardíaco mediúnico, sem nenhuma ajuda, e tendo como equipamento apenas um simples canivete suíço e uma colher de pedreiro.

Ainda há quem afirme que depois de nascer, o Grande Mestre, ao levar uma palmada nas nádegas, amaldiçoou o médico por ele ter ousado agredir o seu corpo intocável. Parece que dias depois da maldição ter sido conjurada, o braço do médico secou e caiu.
O doutor, arrependido do seu ato, pediu perdão ao Mestre, e este, comovido com as súplicas daquele homem, restituiu o seu membro perdido. Infelizmente, talvez por ainda não dominar direito os seus poderes, o novo braço nasceu do lado errado…